Quanto será o valor do salário mínimo no ano de 2019

O salário mínimo é um direito do trabalhador brasileiro que atua no mercado de trabalho através da carteira assinada. Anualmente, este valor pode sofrer alguns ajustes que influenciam em diversos outros aspectos. Você sabe quanto será o valor do salário mínimo no ano de 2019? Confira as informações a seguir e esclareça suas dúvidas.

Importância do salário mínimo

O salário mínimo é um valor base que permite o pagamento de remuneração mínima para qualquer serviço. De acordo com os cálculos de gastos, o pagamento deste valor base deve ser suficiente para suprir as necessidades básicas do funcionário e seus dependentes legais.

Este direito influencia diretamente no preço dos alimentos, remédios e até no aumento do Bolsa Família, programa de transferência de renda. Por isso, o valor do reajuste do salário mínimo é tão importante e deve ser minunciosamente calculado.

Qual a diferença entre salário liquido e salário bruto?

Quando recebe o seu pagamento mensal, o funcionário deve notar que irá sacar menos do que o prometido na sua folha de contratação. Isto deve-se aos descontos de impostos e de taxas que garantem diversos benefícios para o trabalhador, como o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS).

O valor cheio, ou seja o salário bruto, representa a cifra combinada em contratação. Enquanto isto, o salário líquido será o valor da sua remuneração mensal menos os descontos por taxas de serviço. Isto quer dizer que, se o seu salário é de R$ 1,000, este representa o valor bruto do seu pagamento e após a subtração dos descontos obrigatórios, você irá sacar o salário liquido.

Quanto será o reajuste para 2019?

Como você já deve ter notado, o salário mínimo é muito importante e interfere diretamente em diversos outros aspectos. Anualmente, o custo de vida pode subir ou descer, mudando os cálculos do valor básico para que uma família viva no Brasil. Por isso, todo ano pode ser que haja uma mudança na cifra do salário base. Vale lembrar que esta mesma quantia é paga para aposentados e pensionistas do INSS.

O cálculo que define o reajuste anual da remuneração mínima é realizado pelo INPC – Índice Nacional de Preços ao Consumido e leva em consideração diversos gastos do custo de vida do cidadão. Nada foi informado com precisão, mas a expectativa é que haja um aumento considerável deste benefício, podendo chegar a R$1.067,40 a fim de ser suficiente para cobrir os gastos mensais das famílias brasileiras.